Ludquellen Braga Dias

Graduada em Letras Vernáculas (licenciatura) pela Universidade Federal da Bahia (2016). Mestre pelo Programa de Pós-graduação em Língua e Cultura da Universidade Federal da Bahia, na linha de pesquisa Teoria da Variação (pesquisa vinculada ao projeto Vertentes do Português Popular do Estado da Bahia).

Área de atuação: variação fonológica no português.

Temas de pesquisa principais: processos fonológicos variáveis, rotacismo, degeminação, sândi.

Currículo Lattes: http://lattes.cnpq.br/4356878025186726

Publicações principais:
– DIAS, L. O rotacismo em comunidades rurais afro-brasileiras do estado da Bahia. 2019. Dissertação (Mestrado em LÍNGUA E CULTURA) – Universidade Federal da Bahia
– DIAS, L. B.; LUDWIG, J.E. O fenômeno variável do rotacismo: uma análise pela teoria da otimidade. Diadoriam (Rio de Janeiro), v. 20, p. 377-397, 2019.
– DIAS, L. B.; LUDWIG, J.E. A degeminação na fala popular de Salvador. Estudos Linguísticos e Literários, v. 57, p. 186-206, 2017.

%d blogueiros gostam disto: